Comunidade Católica de Língua Portuguesa_Mainz

Portugiesisch Sprechende Katholische Gemeinde_Mainz


Deixe um comentário

cristianismo: estabildade feita de aventura

Quem não quer ser feliz? Todos andamos à procura da nossa praia, daquele sítio, daquele estado, daquele objetivo, daquela situação em que imaginamos que, estavelmente, seremos felizes. Por isso trabalhamos todos os dias, porque, o dinheiro é preciso para viver, por isso investimos nas relações afetivas à procura da cara metade ou do grupo de referência, por isso estabelecemos metas, que sendo práticas, pragmáticas e mensuráveis, não são outra coisa senão meios para atingir a realização pessoal e, portanto, a felicidade.
Na imaginação de muitos de nós, senão de todos, este conceito de felicidade pode pois ser traduzido em ideias simples como: bem-estar, segurança, estabilidade económica, porventura realização afetiva ou mesmo sentido de dever cumprido. Curiosamente, e na minha experiência de vida como Padre, tive ocasião de falar deste tema com muitos jovens, rapazes e raparigas que haviam crescido em ambiente cristão. Foram raras as vezes em que Deus, espontaneamente, naquelas trocas de ideias informais, aparecia como importante ou determinante… Talvez porque o discurso da Igreja, em certas alturas e ambientes, fale mais de dever do que de realização pessoal integral, talvez porque o ser cristão não seja a realidade a partir da qual se constrói o resto da vida e fica remetido para um hobbie de fim de semana…
A verdade é que a proposta de Cristo é caminho de felicidade. Certamente que não será uma felicidade rápida e pronta a usar – por isso S. Paulo nos diz esta semana que para entender a Sabedoria de Deus é preciso ter uma sensibilidade que vá para além do óbvio – mas não deixa de ser estabilidade, porque nada há mais estável do que Deus, não deixa de ser relação, não deixa de haver segurança… e para quem achar que viver assim é cinzento de mais (eu também sou desses), colocar Deus no projeto de vida traz necessariamente radicalidade e aventura… porque nunca sabemos o que Ele nos vai pedir a seguir… e até pode ser difícil… mas se dissermos sim, tornamo-nos mais completos!

P.e Rui Barnabé


Deixe um comentário

Agenda

16.02.14 Domingo 6 do Tempo Comum_Ano A

Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle: Mainz) :: Catequese: Festa do Pai Nosso

11.15h: Catequese Mainz: Encontro Semanal (Ant.-Kapelle | Centro Paroquial)

15.30h: Conselho Paroquial Encontro Extraordinário

17.02.14

Segunda-feira 6 do Tempo Comum (Mc 8, 11-13)

17.00h: Catequese Nierstein: Encontro 2.º ano (Centro Paroquial St. Kilian)

18.02.14

Terça-feira 6 do Tempo Comum (Mc 8, 14-21)

19.30h: Grupo Trabalho Paróquias Centro Cidade: Reunião (C. Paroquial St. Peter)

19.02.14

Quarta-feira 6 do Tempo Comum (Mc 8, 22-26)

17.15h: Catequese Nierstein: Encontro 5.º e 6.º anos (C. Paroquial St. Kilian)

18.15h: Catequese Nierstein: Encontro 4.º ano (C. Paroquial St. Kilian)

20.02.14

Quinta-feira 6 do Tempo Comum (Mc 8, 27-30)

21.02.14

Sexta-feira 6 do Tempo Comum (Mc 8, 34 – 9, 1)

17.30h: Catequese de Infância: Reunião de Catequistas (Centro Paroquial)

20.30h: Grupo de Reflexão de Adultos: Encontro Quinzenal (Centro Paroquial)

22.02.14

Cátedra de S. Pedro (Festa) (Mt 16, 13-19)

16.00h: Coro Infantil: Ensaio (Centro Paroquial)

17.00h: Ensaio do Rancho Infantil (Centro Paroquial)

17.15h: Ensaio do Coro de Adultos de Mainz (Centro Paroquial)

18.30h: Ensaio do Rancho da Missão (Centro Paroquial)

20.30h: Grupo de Culinária: Encontro Mensal (Centro Paroquial)

23.02.14 Domingo 7 do Tempo Comum_Ano A

Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle: Mainz)

11.15h: Catequese Mainz: Encontro Semanal (Ant.-Kapelle | Centro Paroquial)

11.30h: Preparação para o Crisma_Jovens (Centro Paroquial Italiano)

domingo 7 do tempo comum | leituras

Leitura I: Lev 19, 1-2. 17-18 | Salmo: 102 (103)

Leitura II: 1 Cor 3, 16-23 | Evangelho: Mt 5, 38-48


Deixe um comentário

como era bom…

“Vós sois o Sal da Terra… vós sois a Luz do Mundo”. Depois de termos celebrado a Apresentação do Senhor (Aquele que veio para que a História ultrapassasse as trevas), o autor do Evangelho de Mateus apresenta Cristo, no contexto da pregação das Bem-Aventuranças, a definir assim os que O seguem. Ser Cristão não é portanto seguir uma religião mais ou menos rotineira nem cumprir um determinado número de preceitos ou tradições para ganhar Deus… Trata-se mais de uma opção de vida estruturante em que a pessoa se compromete e se vai comprometendo em encarnar os valores do Evangelho nos grandes e pequenos gestos e opções do dia-a-dia, fazendo assim com que a Boa Nova de Jesus Cristo se torne realidade. Facto este que pode acontecer através do nosso esfoço diário e sempre graças ao poder de Deus que faz maravilhas para nós, em nós e através de nós.
Como era bom que esta proposta se tornasse realidade… muitas vezes somos nós próprios que acusamos as religiões de serem muito teóricas e pouco proativas… Como vemos, não é esse o desejo de Cristo para a Igreja de que fazemos parte. Onde é que está o problema? Está no facto de não interpretarmos o Evangelho como regra prática de vida. Significa isto que muitos cristãos há, que não são, nem vivem, nem fazem aquilo “teoricamente” acreditam. Numa expressão só: o Cristianismo só não é prático quando o encerramos no mundo das ideias e não o fazemos tornar realidade, custe o que custar…
Dou comigo a pensar como é possível que a proposta de Cristo seja claramente comunitária e 2000 anos depois ainda haja cristãos de tradição que acham que se podem designar como discípulos de Cristo e esquecerem a comunidade cristã de que fazem parte… dou comigo a pensar que religião é esta em que pedir, por exemplo, um Batismo ou outro qualquer sacramento significa festa naquele dia e não compromisso com Deus, para a vida, todos os dias…

P.e Rui Barnabé


Deixe um comentário

Agenda

09.02.14

Domingo 5 do Tempo Comum_Ano A

Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle: Mainz); 17.00h (St. Kilian: Nierstein)

11.15h: Catequese Mainz: Encontro Semanal (Ant.-Kapelle | Centro Paroquial)

11.30h: Preparação para o Crisma_Jovens: Encontro (C. Paroquial Com. Italiana)

15.00h: Grupo de Jovens: Encontro (Centro Paroquial)

10.02.14

Santa Escolástica, Virgem (memória) (Mc 6, 53-56)

17.00h: Catequese Nierstein: Encontro 2.º ano (Centro Paroquial St. Kilian)

11.02.14

Terça-feira 5 do Tempo Comum (Mc 7, 1-13)

12.02.14

Quarta-feira 5 do Tempo Comum (Mc 7, 14-23)

17.15h: Catequese Nierstein: Encontro 5.º e 6.º anos (C. Paroquial St. Kilian)

18.15h: Catequese Nierstein: Encontro 4.º ano (C. Paroquial St. Kilian)

13.02.14

Quinta-feira 5 do Tempo Comum (Mc 7, 24-30)

19.00h: Conselho Paroquial: Reunião Mensal (Centro Paroquial)

14.02.14

S. Cirilo e S. Metódio, Patronos da Europa (Lc 10, 1-9)

12.45h: Almoço Solidário_Mittagstisch (Centro Paroquial)

15.02.14

Sábado 5 do Tempo Comum (Mc 8, 1-10)

16.00h: Coro Infantil: Ensaio (Centro Paroquial)

17.00h: Ensaio do Rancho Infantil (Centro Paroquial)

17.15h: Ensaio do Coro de Adultos de Mainz (Centro Paroquial)

18.30h: Ensaio do Rancho da Missão (Centro Paroquial)

16.02.14 Domingo 6 do Tempo Comum_Ano A

Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle: Mainz)

11.15h: Catequese Mainz: Encontro Semanal (Ant.-Kapelle | Centro Paroquial)

15.00h: Grupo de Jovens: Encontro (Centro Paroquial)

15.30h: Conselho Paroquial Encontro Extraordinário

domingo 6 do tempo comum | leituras

Leitura I: Sir 15, 16-21 | Salmo: 118 (119)

Leitura II: 1 Cor 2, 6-10 | Evangelho: Mt 5, 17-37


Deixe um comentário

ser luz para o mundo

Apresentação do Senhor, Senhora da Apresentação, Senhor (a) das Candeias… São os vários nomes pelos quais, no contexto cultural português, é conhecida a Festa que hoje celebramos. Isto mostra, desde logo, que na nossa cultura, se trata de um dia bastante bem enraizado e interpretado de vários ângulos.
Se sublinhamos o episódio do Evangelho, que ilustra o costume judaico de apresentar as crianças a Deus, então estamos a falar da apresentação da criança que era Jesus e naturalmente que abordamos esta festa sob a perspetiva da Apresentação do Senhor. Na mesma linha, se entende a denominação de “Senhor das Candeias”, que aprece ligada à antiga tradição de se fazer uma procissão de velas antes de celebrar Eucaristia, para manifestar a certeza de que Jesus, a criança apresentada, é a luz que ilumina o Tempo e a História (facto aliás sublinhado pelas pessoas que nos aparecem no Evangelho – Simeão e Ana).
Os outros nomes da Festa dão-lhe um cariz mais mariano: “Senhora das Candeias” ou Senhora da Apresentação” são denominações que viram a nossa atenção para a presença de e postura de Maria. Longe de contradizerem a abordagem anterior, colocam diante dos nossos olhos aquela que sustenta a criança apresentada, aquela que a leva ao colo. Esta Senhora não é a Luz mas transporta consigo a Luz que é Jesus, por isso se transforma numa pessoa que ilumina. Um pouco como a Lua que ilumina a Noite mas apenas porque reflete a luz do Sol – esse sim – com luz própria.
No fim de contas, entre as duas abordagens está a chave de compreensão do dia de hoje que se transforma em desafio para uma vida inteira, e que podemos tomar mesmo a sério a partir desta semana: o Cristão é aquele que leva Cristo consigo e O apresenta ao Mundo. Nessa medida, ilumina a História com uma Luz que a ambos ultrapassa…

P.e Rui Barnabé

 


Deixe um comentário

Agenda

02.02.14

Solenidade da Apresentação do Senhor

Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle: Mainz)

11.15h: Catequese Mainz: Encontro Semanal (Ant.-Kapelle | Centro Paroquial)

15.00h: Grupo de Jovens: Encontro (Centro Paroquial)

03.02.14

Segunda-feira 4 do Tempo Comum (Mc 5, 1-20)

17.00h: Catequese Nierstein: Encontro 2.º ano (Centro Paroquial St. Kilian)

04.02.14

Terça-feira 4 do Tempo Comum (Mc 5, 21-43)

05.02.14

S. Águeda, Virgem e Mártir na Câtania (memória) (Mc 6, 1b-6)

17.15h: Catequese Nierstein: Encontro 5.º e 6.º anos (C. Paroquial St. Kilian)

18.15h: Catequese Nierstein: Encontro 4.º ano (C. Paroquial St. Kilian)

06.02.14

S. Paulo Miki e Companheiros, Mártires em Nagasaki (memória) (Mc 6, 7-13)

20.00h: Ensaio do Coro de Niertstein (C. Paroquial St. Kilian)

07.02.14

Sexta-feira 4 do Tempo Comum (Mc 6, 14-29)

20.30h: Grupo de Reflexão de Adultos: Encontro (Centro Paroquial)

08.02.14

Sábado 4 do Tempo Comum (Mc 6, 30-34)

15.00h: Acólitos_Mainz: Encontro Mensal (Centro Paroquial)

16.00h: Coro Infantil: Ensaio (Centro Paroquial)

17.00h: Ensaio do Rancho Infantil (Centro Paroquial)

17.15h: Ensaio do Coro de Adultos de Mainz (Centro Paroquial)

18.30h: Ensaio do Rancho da Missão (Centro Paroquial)

09.02.14

Domingo 5 do Tempo Comum_Ano A

Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle: Mainz); 17.00h (St. Kilian: Nierstein)

11.15h: Catequese Mainz: Encontro Semanal (Ant.-Kapelle | Centro Paroquial)

15.00h: Grupo de Jovens: Encontro (Centro Paroquial)

domingo 5 do tempo comum | leituras

Leitura I: Is 58, 7-10 | Salmo: 111 (112)

Leitura II: 1 Cor 2, 1-5 | Evangelho: Mt 5, 13-16