Comunidade Católica de Língua Portuguesa_Mainz

Portugiesisch Sprechende Katholische Gemeinde_Mainz


Deixe um comentário

Reunião de Acólit@s

Reunião Sábado ás 15.00h. O tempo da Quaresma-Páscoa , uma época do Ano Liturgico particularmente importante. Por isso, haverá encontro de Acólit@s, no próximo sábado, ás 15.00h, no Edificio da Comunidade. Teremos Particularmente em conta a preparação de questões praticas a respeito das próximas celebrações, com destaque para o Triduo Pascal


Deixe um comentário

subir ao monte … para ver mais e melhor!

O Evangelho de hoje descreve uma subida ao Monte. Jesus convida alguns discípulos para lhe fazerem companhia (Pedro Tiago e João) e sobe a uma montanha para rezar. Lá em cima, transfigura-se diante deles e fala diretamente com Moisés e com Elias (figuras basilares do Antigo Testamento) o que dá a entender que Ele vem na sequência de toda a História da Revelação de Deus em Israel, e, no final, o próprio Pai atesta que Ele era (e é) de facto, o Seu Filho. Depois desta subida ao Monte, parece que estes três discípulos entenderam mais profundamente o Seu Mestre, Aquele com quem já teriam vivido algum tempo… mas que nem sempre percebiam… A Montanha, quer nas culturas antigas (Israel e povos vizinhos), quer nas culturas mais modernas (também na nossa) é sempre um lugar especial da Revelação de Deus. Basta recordar, por exemplo, que o Senhor se revelou a Moisés também no cimo de uma Montanha, ou olhar para as inúmeras Capelas e Eremitérios que estão construídas em lugares altos, por esse Mundo fora… Também a Igreja de hoje tem que fazer essa experiência. As notícias recentes demonstram-no. Subir ao Monte significará, neste caso estar mais perto de Deus, para O perceber melhor, para O ver tal como Ele é na realidade, para saber o que Ele deseja de nós. Estamos em tempo de viragem. No próximo mês teremos um novo Papa, que servirá uma Igreja marcada pelas faltas das pessoas que a compõem, por erros, por más decisões, por divisões. É preciso ver mais claramente e mais longe, é preciso tomar as decisões certas, é preciso deixar que toda a Verdade e todas as verdades venham ao de cima. Já diz o Evangelho que só a verdade nos traz liberdade. Só Deus, Ele próprio, pode converter os corações dos Homens… mas é preciso que nos aproximemos Dele… em Espírito e Verdade!

P.e Rui Barnabé


Deixe um comentário

Agenda

24.02.13

Domingo II da Quaresma (Ano C)

Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle)

Retiro para Agentes de Pastoral (Marienthal)

11.15h: Catequese de Infância_Mainz (2º, 3º, 5º e 6º Anos)

25.02.13

Segunda-feira II Quaresma (Lc 6, 36-38)

17.00h: Catequese de Infância | Reunião de Pais_Nierstein (2.º Ano)

26.02.13

Terça-feira II Quaresma (Mt 23, 1-12)

17.30h: Catequese de Infância_Nierstein (1.º e 4.º Anos)

27.02.13

Quarta-feira II Quaresma (Mt 20, 17-28)

17.00h: Catequese de Infância_Nierstein (3.º e 5.º Anos)

28.02.13

Quinta-feira II Quaresma (Lc 16, 19-31)

01.03.13

Sexta-feira II Quaresma (Mt 21,33-43.45-46)

19.30h: Oração de Taizé (Edifício da Comunidade)

02.03.13

Sábado II Quaresma (Lc 15, 1-3.11-32)

15.00h: Reunião de Acólitos (Edifício da Comunidade)

16.00h: Catequese de Infância (1º e 4.º Anos)

16.30h: Encontro de Adolescentes e Jovens (Edifício da Comunidade)

17.00h: Ensaio do Rancho Infantil

17.15h: Ensaio do Coro

18.30h: Ensaio do Rancho dos Adultos

03.03.13

Domingo III da Quaresma (Ano C)

Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle)

11.15h: Catequese de Infância_Mainz (2º, 3º, 5º e 6º Anos)

Domingo III_Quaresma | ano C: leituras

Leitura I: Ex 3, 1-8a.13-15 | Salmo: 102 (103)

Leitura II: 1 Cor 10, 1-6.10-12 | Evangelho: Lc 13, 1-9


1 Comentário

Agenda

17.02.13 Domingo I da Quaresma (Ano C)Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle)11.15h: Catequese de Infância_Mainz ( 3º, 5º e 6º Anos)
18.02.13

Segunda-feira I Quaresma (Mt 25, 31-46)

17.00h: Catequese de Infância_Nierstein (2.º Ano)

18.30h: Conselho Paroquial: Reunião Mensal

19.02.13

Terça-feira I Quaresma (Mc 6, 7-15)

17.30h: Catequese de Infância_Nierstein (1.º e 4.º Anos)

20.02.13

Quarta-feira I Quaresma (Lc 11, 29-32)

17.00h: Catequese de Infância_Nierstein (3.º e 5.º Anos)

21.02.13 Quinta-feira I Quaresma (Mt 7, 7-12)
22.02.13 Sexta-feira I Quaresma) (Mt 16,13-19)Cadeira de São Pedro Apóstolo (Festa)
23.02.13

Sábado I Quaresma (Mt 5, 43-48)

15.30h: Rancho Infantil: Reunião de Pais

16.00h: Catequese de Infância (1º e 4.º Anos)

17.00h: Ensaio do Rancho Infantil

17.15h: Ensaio do Coro

18.30h: Ensaio do Rancho dos Adultos

24.02.13 Domingo II da Quaresma (Ano C)Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle)Retiro para Agentes de Pastoral (Marienthal)

11.15h: Catequese de Infância_Mainz (2º, 3º, 5º e 6º Anos)

Domingo II_Quaresma | ano C: leituras

Leitura I: Gen 15, 5-12.17-18 | Salmo: 26 (27)


Deixe um comentário

estação de serviço pára… escuta e olha…

Estamos em Quaresma! Significa isto que, desde a quarta-feira passada (chamada de Cinzas) até Quinta-feira Santa (início do Tríduo Pascal), tivemos e temos ainda um tempo relativamente longo (cerca de quarenta dias) para preparar a Páscoa. A Quaresma é assim como que uma estação de serviço numa longa Autoestrada que é o Ano Litúrgico e que nos permite, para usar um chavão a que os caminhos de Ferro em Portugal nos habituaram: Parar… Escutar… e Olhar! Não se trata portanto de um tempo de tristeza ou sofrimento, não se trata apenas de um tempo de sacrifício ou sacrifícios. É um tempo de esperança e de antecipação da grande festa dos Cristãos: a Páscoa – da mesma maneira que, quem vai numa viagem longa, está normalmente já a pensar nas coisas boas que o esperam no destino. Esta estação de serviço, que dura quarenta dias, também tem um conjunto de equipamentos para nos ajudarem e retomar forças e para rever tudo para que a viagem corra bem… A Tradição da Igreja indica-nos três atitudes fundamentais: Oração, Jejum | Abstinência e Esmola. Tem lógica: o objetivo é que coloquemos Deus no Centro das nossas vidas e dos nossos interesses. Por isso, nada melhor que começar a falar com Ele e a ouvir o que Ele tem para nos dizer. Claro que esta proximidade com Deus também nos indicará o que é mesmo necessário e o que não faz assim tanta falta na nossa vida e, mais ainda, quem descobre Deus, acaba por ter a noção que só Ele basta… daqui nasce a capacidade de não precisarmos de tanta coisa… e, finalmente, quem não precisa de tanto, tem mais o que partilhar, sobretudo se a sua descoberta de Deus o ajudou a descobrir nos rostos da Humanidade, as faces de tantos irmãos.

P.e Rui Barnabé


Deixe um comentário

Agenda

10.02.13 Domingo V do Tempo Comum (Ano C)Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle); 18.00h (Nierstein)

17.00h: Reunião de Catequistas em Nierstein

11.02.13 Segunda-feira V Tempo Comum (Mc 6, 53-56)
12.02.13 Terça-feira V Tempo Comum (Mc 5, 21-43)
13.02.13

Quarta-feira de Cinzas (Início da Quaresma) (Mt 6, 1-6.16-18)

Missa: 19.15h (Igreja de São Pedro)

14.02.13 Quinta-feira depois das Cinzas (Lc 9, 22-25)
15.02.13 Sexta-feira depois das Cinzas (Mt 9,14-15))
16.02.13

Sábado depois das Cinzas (Lc 5, 27-32)

15.00h: Reunião de Leitores

16.00h: Catequese de Infância (1º e 4.º Anos)

16.00h: Encontro de Adolescentes (Edif. da Comunidade)

17.00h: Ensaio do Rancho Infantil

17.15h: Ensaio do Coro

18.30h: Ensaio do Rancho dos Adultos

17.02.13 Domingo I da Quaresma (Ano C)Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle)

11.15h: Catequese de Infância_Mainz (2º, 3º, 5º e 6º Anos)

domingo I_Quaresma | ano C: leituras

Leitura I: Deut 26, 4-10 | Salmo: 90 (91)

Leitura II: Rom 10, 8-13 | Evangelho: Lc 4, 1-13

 


Deixe um comentário

Deus Chama! e nós,… escutamos?

Vocação é uma palavra que, no nosso dia a dia, é usada para exprimir que alguém tem muito jeito para fazer alguma coisa – parece que nasceu para aquilo – dizemos nós muitas vezes. Em contexto Religioso, as coisas já são diferentes, dizemos que os padres, os consagrados, os missionários… têm Vocação, para sublinhar que esses não terão escolhido uma profissão normal, mas uma tarefa que consiste em mostrar Deus aos seus irmãos na fé. Na realidade, a palavra Vocação vem directamente do verbo latino “vocare” que significa “Chamar”. Desta forma, uma vocação é, acima de tudo, um Chamamento para alguma coisa. Porque somos crentes, podemos dizer que esse Chamamento tem origem no próprio Deus. O raciocínio é simples: se ter Vocação é, na realidade, ser chamado a fazer alguma coisa, é preciso haver quem chame e quem ouça esse desafio – Deus chama, nós escutamos o apelo. Assim, Vocação é muito mais do que ter jeito para uma coisa, embora isso ajude, e muito mais do que algo reservado exclusivamente a Padres ou Consagrados. Todos temos Vocação, porque todos somos chamados por Deus a ser ou a fazer algo. Primeiro que tudo, Deus chamou-nos à Vida, depois à Igreja (através do Batismo) e, finalmente, chama-nos a encontrar o nosso lugar na Igreja e na Sociedade. Basicamente, o que está em jogo, é encontrar a vontade de Deus para nós. Na realidade, podemos dizer que Deus quer primeiro que nos descubramos como seus Filhos e nos comportemos como tal, na prática o que nos diz o Evangelho de hoje: sentir que estamos no mesmo Barco que Deus. Agora, a forma como cada um depois consegue, ao longo da vida, permanecer nesse barco, é uma questão que só cada crente, individualmente, mas sempre na presença de Deus, consegue resolver.

 P.e Rui Barnabé


Deixe um comentário

Agenda

03.02.13

Domingo IV do Tempo Comum (Ano C)

Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle)

(4.º Ano de Catequese: Festa da Entrega da Sagrada Escritura)

11.15h: Catequese de Infância_Mainz (2º, 3º, 5º e 6º Anos)

04.02.13

Segunda-feira IV Tempo Comum (Mc 5, 1-20)

17.00h: Catequese de Infância_Nierstein (2.º Ano)

05.02.13

Santa Ágata (Memória) (Mc 5, 21-43)

17.30h: Catequese de Infância_Nierstein (1.º e 4.º Anos)

06.02.13

São Paulo Miki e Companheiros (Memória) (Mc 6, 1b-6)

17.00h: Catequese de Infância_Nierstein (3.º e 5.º Anos)

07.02.13 Quinta-feira IV Tempo Comum (Mc 6, 7-13)
08.02.13 Sexta-feira IV Tempo Comum (Mc 6, 14-29)
09.02.13

Sábado IV do Tempo Comum (Mc 6, 30-34)

17.15h: Ensaio do Coro

:: ::: :::: : Rancho dos Adultos em Paris

10.02.13 Domingo V do Tempo Comum (Ano C)Missa: 10.00h (Antonius-Kapelle); 18.00h (Nierstein)

17.00h: Reunião de Catequistas em Nierstein

Domingo V_TC | ano C: leituras

Leitura I: Is 6, 1-2a.3-8 | Salmo: 137 (138)

Leitura II: 1Cor 15, 1-11 | Evangelho: Lc 5, 1-11


Deixe um comentário

eu estou contigo para te salvar

Fala-se hoje muito de crença ou descrença, fé ou ceticismo, acreditar ou desconfiar. Na verdade, devido talvez às inseguranças que sentimos, às dúvidas que temos, às experiências passadas que nem sempre correram bem, muitas são as pessoas que hoje têm dificuldade em acreditar.

Não me refiro, para já, à dimensão da Fé como nós a concebemos em sentido religioso. Debruço-me, primeiro sobre a Confiança que precisamos de cultivar para, simplesmente, viver. Na verdade, temos sempre que acreditar nalguma coisa… o simples gesto de nos levantarmos de manhã, implica que acreditemos que o mundo não acabou ou que o chão que normalmente está debaixo dos nossos pés não desapareceu. O ir para o trabalho, supõe que o emprego continua a existir. Estes exemplos todos mostram que um grau de confiança mínimo todos temos que ter simplesmente para conseguirmos “funcionar”.

A este nível básico, acresce depois um segundo, o acreditar nas pessoas que nos rodeiam. Ainda que possamos, porventura, ter sido enganados alguma vez, se pensarmos bem, há sempre pessoas na nossa vida em quem somos chamados a confiar, ou em quem já e naturalmente confiamos.

Apenas pressupostos estes níveis, é possível assumirmos o terceiro e mais elevado patamar: o Acreditar, ter Fé, em Deus. Já o Evangelho o diz, quando diz que é mais fácil acreditar naquilo que se vê, do que naquilo que não se vislumbra. No entanto, apesar de não vermos Deus da mesma maneira que vemos, por exemplo, o nosso vizinho, podemos experimentá-lO. Como? Sobretudo na oração, na vida da Comunidade, nos Sacramentos, na Palavra de Deus e em cada Rosto Humano. Num tempo de dúvida e desconfiança, é importante sabermos que Ele está presente, e que a Sua mensagem primordial para nós é “Não temas, porque Eu estou contigo para te salvar”

 P.e Rui Barnabé